Archive for the ‘cinema’ Category

Update e Upgrade

julho 11, 2008

Bom galera,
desculpem a ausência, mas é que estamos pondo ordem na casa.

Muitas novidades estão para acontecer e, em breve, vocês terão a melhor agenda cultural interativa da blogosfera no TremaNet.

Continuando o post anterior, confira todos os filmes que irão ao ar em Julho (ficha completa), com notícias (conforme forem aparecendo) e, caso sejam criadas discussões na nossa comunidade no Orkut (aliás, entrem lá!) vocês terão acesso direto também.

Conto com a paciência de vocês, pois ainda estamos vendo a melhor forma de oferecer um conteúdo de qualidade.

att.

Tremanet

Ps: Link pré-estréia no Menu ao lado ativado.

Crítica- O Melhor Amigo da Noiva

julho 1, 2008

Você pode colocar no papel, toda comédia romântica obedece a fórmula x tá afim de y mas algo impede que os dois fiquem juntos. No final, uma loucura de amor muda tudo. Pois é, O Melhor Amigo da Noiva não é diferente e, se tratando de um filme desse gênero, nem era para ser. Mas por que assití-lo (ou não), então?

O que salva um filme de comédia romântica é exatamente o que salva uma boa cantada. Quer dizer, ambos tem alto teor de previsibilidade, mas isso não quer dizer que seja ruim. Tudo dependende do lugar, da situação e da cantada.

Mas, como não estamos falando simplesmente de romance e sim de uma comédia romântica, é importante acrescentar algo que cative, um plus, uma pitada a mais na dica acima. Logo, entendemos que todo bom filme no gênero contém as situações (mais) inusitadas, nos lugares (mais) impróprios com as cantadas (mais) originais.

Nisso, souberam dosar bem os roteiristas Harry Elfont e Deborah Kaplan, que já trabalharam juntos em Josie e as Gatinhas (2001) e Mal Posso Esperar (1998), dois bons filmes de humor. Adam Sztykiel, o terceiro da equipe, apesar de estreante, assina pela história toda, o cérebro por trás de toda criatividade.

Pega logo, rapaz!

No enredo, um homem mulherengo se torna melhor amigo da única mulher que não se seduziu por ele. Mas, com o tempo, a proximidade dos dois os leva a sentirem algo mais um pelo outro. A princípio, no entanto, ninguem expõe isso de forma direta.

Claire (Michelle Monaghan) até tentou alguma coisa, mas Tom (Patrick Dempsey) só dava bola fora. Então, ela conheceu um escocês em uma viagem e engatou um romance com ele.

Quem não gostou nada disso foi Tom, que se apaixonou por Claire. Ele tentou dizer a ela, mas ruídos na comunicação o impediam . Quando a menina voltou de viagem, Tom recebeu seu único consolo: um convite para ser Dama de Honra do casamento da amiga.

Ele aceitou -mas com segundas intenções, é claro.

Trama

Com certeza aceitar ser dama de honra de um casamento para tentar impedí-lo é uma boa tirada, mas podia ser mais explorada pelo diretor Paul Weiland. As situações engraçadas se resumem em poquíssimas cenas, muitas vezes com um humor mais contido no diálogo do que na ação em si.

Cenas como a do restaurante, em que Tom se desentende com o garçon, ou do banheiro, em que Tom e seus amigos se surpreendem com o tamanho do seu oponente escocês, não fazem frente aos milhares de diálogos de humor do filme.

Seja nas conversas do rapaz com amigos do basket, ou com o pai mulherengo, o fato é que esses diálogos sempre são contaminados por lições de moral do tipo ‘você tem de largar tudo, ir até ela e pam‘. E isso é até importante, mas repetidamente, aborrece.

Claro, isso seria um erro mais de roteiro, do que de direção. Mas em uma produção audiovisual é papel do direitor sentir o time do filme e perceber quando ele está chato. Cineminha bom para uma pipoca, mas enche o saco! (assim você se distrai..)

Kung Fu Panda estréia dia 4

junho 25, 2008


Galerinha,

como todos sabem, três tendências do cinema atual são: filmes de animação, filmar clássicos dos quadrinhos e refilmar épicos do cinema americano.

Em parte isso se deve a tecnologia. Hoje, se ‘qualquer’ uma pessoa faz uma boa animação em flash, imagine os grandes estúdios especializados?

Essa tecnologia dá ao cinema a capacidade de fazer o ‘infazível’, como dar vida a heróis com todos tipos de poderes de destruição em massa, capazes de travarem lutas com bastante explosões.

Como grande parte do cinema antigo carecia de muitos desses efeitos -não desmerecendo o milagre que muitos diretores de cinema fizeram- nada mais justo que dar nova vida a esses filmes.

Enfim…

Mas então.. tudo isso pra falar que..dia 4 estréia no brasil KUNG FU PANDA, a mais nova película da Paramount Pictures.

Para quem não sabe, o elenco (de dublagem) do filme conta com a presença de Jackie Chan (Macaco), Lucy Liu (Víbora), Dustin Hoffman (Shifu) e Ian McShane (Tai Lung), além de Angelina Jolie (Tigresa) e Jack Black (Po) que dublaram juntos ‘Espanta Tubarões’ (2004).

No Brasil, o desenho também não deixa a desejar no elenco. Estão confirmados Juliana Paes (Tigresa) e Lucio Mauro Filho (Po).

História

O panda Po, além de entusiasmado, grande e desajeitado, é o maior fã de kung fu da região – o que não ajuda muito no emprego que tem no restaurante de macarrão da família.

Surpreendentemente escolhido para cumprir uma antiga profecia, os sonhos de Po tornam-se realidade quando ele entra no mundo do kung fu e passa a treinar ao lado de seus ídolos – os lendários Mestres Garça, Tigresa, Louva-Deus, Víbora e Macaco – sob a liderança de Mestre Shifu.

Mas o vingativo e traiçoeiro leopardo da neve Tai Lung pretende mudar um pouco o rumo da história e interferir a profecia de Po. Será que ele conseguirá?

crédito das imagens: crédito Paramount/DreamWorks

veja também sobre o filme:

Trailers do filme (Leg-PT)
Mega Trailer 4min (ING)
Angelina Jolie em entrevista (ING)

Cinema Grátis no sabadão

junho 21, 2008

Comédia
O filme “Bendito Fruto” é exibido hoje, às 15h, no Cineclube Videoverso, em Mesquita. Dirigido por Sérgio Goldenberg e estrelado por Otávio Augusto, Zezeh Barbosa e Vera Holtz. A história é uma comédia romântica que aborda questões como preconceito racial e sexual.

Info:
Cineclube Videoverso, Auditório da Escola Brito Elias.

Endereço: Rua Hercília 1.209, Vila Emil, Mesquita.
Gratuito, começa às 15h.


Confira um trecho aqui


Overdose Machado de Assis
O Festival Memórias Cinematógráficas termina no domingo. Quem quiser curtir as mostras em exibição na Caixa Cultural ainda tem tempo. Hoje será exibido “Viagem ao fim do mundo”, às 16h, Pograma de Curtas 1, às 18h e a filmagem do conhecido conto “O Enfermeiro”, às 20h, dirigido por Mauro Farias, com Paulo Autran.

Já amanhã os pipoqueiros de plantão conferem “Quincas Borba”, às 16h, “Quanto vale ou é por aquilo”, às 18h e programa Curtas 2, às 20h.

Info:
Caixa Cultural Av.Almirante Barroso 25, centro.

Tarantino começa novo filme!

junho 21, 2008

A nova façanha de Quentin Tarantino já está em produção, trata-se da regravação do filme Inglorious Bastards (1978), de Enzo Castellari, que na versão do diretor de Kill Bill será divido em duas partes.

A revelação foi feita pelos caras do AICN, que tiveram acesso a uma entrevista de Tarantino para um box comemorativo do Inglorious Bastards original, que será vendido dia 29 de Julho nos EUA. No depoimento, Quentin Tarantino revela que a premissa do filme de Castellari é apenas o início do que pretende fazer. Ele fez uma pesquisa para iniciar o roteiro e constatou que existem muitos detalhes na II Guerra Mundial que não poderiam ficar de fora da película. É esperar para ver.

Sobre o filme

Um grupo de soldados que serão executados por crimes de guerra são transportados pela Europa em plena II Guerra Mundial. O veículo, no entanto, é atacado e os crimonosos conseguem fugir e decidem ir para Suiça. Nesse ponto, a aventura começa, pois para se safarem, o grupo terá de enfrentar tanto os Aliados quanto os Nazistas. Um prato cheio para um sanguinário de plantão como Tarantino fazer a festa!

Informações(ING): AICN
Assista um trecho de :

Robocop 2010

junho 11, 2008

Robocop 2010


Depois do sucesso Robocop Gay dos Mamonas Assassinas, nosso herói andou meio sumido. Talvez por não agüentar mais as encarnações dos seus colegas policiais de Detroit. Já pensou, toda vez que fosse lanchar no departamento de polícia, o pessoal pegasse no pé fazendo piadinhas do tipo, “vou comer a rosquinha do Robocop”? Já até virou adjetivo pejorativo no senso comum. Agora mesmo, comentava com uma amiga o seguinte:

– Tá sabendo do Robocop?
– Como assim?
– Ué, o filme do Robocop!
– Ah, tá! Pensei que estava falando de alguém que tem esse apelido.

Tsc, tsc. Nosso herói não merece isso.


Mas agora, surgem rumores, que toda essa fase já passou e ele quer dar a volta por cima, sacudir a poeira, tirar a ferrugem e voltar poderosa… ops (não pude evitar, Robocop), digo, mais forte do que nunca – tom da voz mais grave. É isso mesmo. A MGM divulgou, entre outras novidades, que irá investir na gravação de Robocop com previsão para 2010.


Robocop - Teaser do que vem por a�
Agora é que a crítica começa a balançar as pernas (assim como eu agora, em um momento de ansiedade, rs) diante das informações divulgadas pelas revistas, jornais, internet. A expectativa tende a aumentar, pois o primeiro filme apresentava cenas fortes de violência (fuzilamento de Murphy – Robocop, cenas de tiro sem economizar sangue artificial, a famosa explícita, entre os fãs, punhalada na jugular, bandidos derretendo no ácido…), já o segundo e o terceiro, tomaram uma linha mais light, além da série na TV, que não emplacou.

Apesar de se tratar de um super-herói, o filme é (era) para um público adulto. Então fica a dúvida de como será o novo formato, qual a censura e se será uma continuação (Robocop 4?). Será que vem na onda do Homem de Ferro ou tentará resgatar a essência do polícial de “sangue frio”, aniquilador de bandidos?


Segue videozinho dos bons tempos de Robocop para recordar (cenas fortes):



Eu, particularmente sugeriria que o polical de aço se juntasse à galera dos Power Rangers, para fazer um laboratório caso o filme seguisse a linha teen. Eles que agora também usam um distintivo para meter bronca de policiais contra criaturas alienígenas, com certeza ficariam lisongeados se o Robocop fizesse uma ponta em um dos episódios.